segunda-feira, 30 de setembro de 2019

Lula recusa semiaberto e diz que não barganha direitos ou liberdade 


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva resiste à pressão dos procuradores da Lava Jato, que querem mandá-lo para o regime semiaberto. Ele se reuniu nesta segunda-feira (30/09/2019) com seus advogados e entregou a eles uma carta, na qual diz que não quer trocar liberdade por dignidade.
“Tudo que os procuradores da Lava Jato deveriam fazer é pedir desculpas ao povo brasileiro, aos milhões de desempregados e à minha família, pelo mal que fizeram à democracia, a Justiça e ao país”, escreveu Lula.
“Quero que saibam que não aceito barganhar meus direitos e minha liberdade. Já demonstrei que são falsas as acusações que me fizeram. São eles e não eu que estão presos às mentiras que contaram ao Brasil e ao mundo. Diante das arbitrariedades cometidas pelos procuradores e por Sergio Moro, cabe agora à Suprema Corte corrigir o que está errado, para que haja Justiça independente e imparcial. Como é devido a todo cidadão. Tenho plena consciência das decisões que tomei nesse processo e não descansarei enquanto a verdade e a justiça não voltarem a prevalecer”, completou o ex-presidente.
Ao deixar a carceragem da Polícia Federal, em Curitiba, o advogado de Lula, Cristiano Zanin, confirmou que seu cliente não quer a progressão da pena. “A partir do momento que ele não reconhece a legitimidade do processo, ele não está obrigado a aceitar qualquer condição do Estado”, declarou.
Dallagnol quer Lula livre
Os procuradores da Lava Jato, incluindo o coordenador da operação, Deltan Dallagnol, pediram à Justiça na última sexta-feira (27/09/2019) a progressão do petista para o semiaberto. Em entrevista para a rádio Jovem Pan nesta segunda (30/09/2019), Dallagnol disse que a força tarefa está apenas cumprindo a lei ao fazer o pedido. “Quando uma pessoa cumpre os requisitos todos para a progressão de regime não tem só o direito, mas o Estado não pode exercer seu poder de prisão para além do que tem direito. Assim, uma vez cumpridos os requisitos, normalmente os réus pedem a progressão. Se o réu não pedir, é obrigação nossa, do Ministério Público pedir”, explicou.
A juíza federal Carolina Lebbos, da Vara de Execuções Penais do Paraná, pediu à Superintendência da Polícia Federal no Paraná, também nesta segunda, que informe “a certidão de conduta carcerária” do ex-presidente, ou seja perguntou à corporação se o detente se comporta bem.
A juíza também pediu o cálculo atualizado do cumprimento da pena do petista, em regime fechado desde 7 de abril de 2018 pela sentença do processo do triplex do Guarujá.
Lula cumpre a pena 8 anos, 10 meses e 20 dias por corrupção passiva e lavagem de dinheiro em uma sala especial na sede da PF em Curitiba.
Junior Martins participa de café da manhã na Igreja Assembleia de Deus 

O pré-candidato a prefeito de Caxias, Junior Martins, participa de café da
manhã na Igreja Assembleia de Deus 
Na manhã de domingo (29) o pré-candidato a prefeito de Caxias Junior Martins participou de um café da manhã na sede da Igreja Assembleia de Deus, congregação do Bairro Mutirão. O café foi antes do inicio da escola bíblica dominical. . 
Junior foi convidado pelo pastor Ribamar Rodrigues. Ele foi acompanhado da sua esposa Danielle. 
O pré-candidato postou nas redes sociais sua participação no café da manhã. “Hoje começamos a escola bíblica dominical com um café da manhã na Assembleia de Deus do Mutirão". disse.
Junior Martins está em pré-campanha para prefeito de Caxias desde o mês de maio. O pré-candidato disputa com outros quatro candidatos a indicação do grupo politico da deputada Dra. Cleide Coutinho que irá pro embate eleitoral com o prefeito Fábio Gentil nas eleições de 2020. 





TSE conclui que campanha de Bolsonaro não fez disparos em massa no WhatsApp 


Em decisão proferida na ultima quinta-feira (26) pelo ministro Jorge Mussi, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) concluiu que Jair Bolsonaro (PSL) e Hamilton Mourão (Republicanos) não dispararam mensagens em massa no WhatsApp durante campanha eleitoral em 2018.

Uma ação movida pelo PT questionava a legitimidade das eleições do atual presidente. O documento tinha como base em reportagem publicada pela Folha de S. Paulo. Se Bolsonaro fosse considerado culpado, seria cassado.

Em 18 de outubro, o jornal publicou reportagem dizendo que empresários compraram pacotes de impulsionamento de disparos em massa por WhatsApp contra o PT, prática pode caracterizar doação de campanha por empresas, vedada pela legislação eleitoral, e não declarada.

Após a publicação da reportagem, os advogados do então candidato do PT, Fernando Haddad, pediram ao TSE a abertura de uma Aije – Ação de Investigação Judicial Eleitoral para investigar suposto abuso de poder econômico e uso indevido de meios de comunicação pela campanha de Bolsonaro.

Segundo as informações de Gazeta do Povo, a decisão de Mussi estabelece que “não há indício de que a AM4 [empresa contratada pela campanha de Bolsonaro] tenha fechado contratos para disparo em massa” e que não há “indícios materiais que sustem as dúvidas lançadas” na reportagem. Além disso, segundo o juiz, o WhatsApp não cometeu nenhuma irregularidade.
A melancólica Feirinha da Gente 



*Arnaldo Rodrigues 


Uma imitação grosseira da Feirinha de São Luís, implantada pela prefeitura da capital maranhense, a Feirinha da Gente, criada na gestão cabeluda em seu primeiro ano de governo, que acontece todas às manhãs de domingo na praça Vespasiano Ramos, parece está  com os dias contados para acabar devido ao enfraquecimento nas vendas, tudo reflexo de um comercio quebrado. A ideia de criação da feira foi até legal, mas como tudo hoje se desgasta rápido, a Feirinha se desgastou e já não atrai o publico que antes atraia. 

No inicio da Feirinha da Gente, até parecia que a Prefeitura e a Câmara Municipal de Caxias funcionavam na feira. Pra onde se olhava avistava um vereador e um secretário municipal. Por outro lado um monte de guaxebas e puxa saco tirando foto com o prefeito e postando nas  redes sociais. 

Muitos funcionários da Viúva tinham que marcar ponto no local, sob forma de sofrerem alguma advertência pelo não comparecimento na "Feirinha da Gente". Os vendedores já  estão contabilizando prejuízos, alguns já até desistiram irem vender seus produtos nesta melancólica feira. 

Quem depende da realização da Feirinha da Gente também contabiliza alguns prejuízos, do aluguel de um ponto comercial, equipes de  seguranças, banheiros químicos, servidores públicos e atrações. Somando tudo estima-se que os prejuízos chegue à uma cifra bem significativa. 

Será que o Cabeludo pensa que Caxias é uma capital? Onde os recursos financeiros fluem com mais facilidade. Nossa cidade tem um comércio fraco e falido. Queremos aqui dá uma pequena sugestão aos organizadores da Feirinha da Gente, nossa cidade possui diversos espaços que poderiam muito bem receber a famigerada feira, seria no caso uma espécie de feira itinerante com horário diferente. Por exemplo: temos o Mirante da Balaiada, no sábado a tarde cairia bem. A esquecida praça do Panteon, praça da COHAB, estendendo até o bairro Ponte, fica a sugestão para tirar a Feirinha da Gente dessa melancolia.

Registro as feiras que não saem de moda, às que acontecem nos bairros Volta Redonda e Seriema, ambas surgiram na gestão dos Marinhos, nos anos 90, que ainda se mantém viva sem ter o apoio mínimo do poder municipal. Afinal Feirinha é da Gente ou do Cabeludo?

* Arnaldo Rodrigues, é professor de formação em licenciatura em Geografia, pelo CESC-UEMA Pós-graduando em Educação Ambiental, pelo IESF., membro da Comissão de Criação da UEMALESTE e filiado ao Partido Socialismo e Liberdade - Psol.
Ex-vereador realiza culto em Ação de Graças 


Na noite do ultimo sábado (28) o ex-vereador Irmão Assis realizou um culto de ação de graças pelo restabelecimento da sua saúde. 
Segundo o ex-vereador os agradecimentos a Deus é de direito, pois sem sua ajuda não teria sua saúde restabelecida. 
A vereadora Irmã Nelzir, esposa do ex-vereador, também agradeceu a Deus pela grande benção alcançada. 
Houve vários momentos de louvor e pregação da palavra de Deus.
A celebração religiosa foi realizada na residencia do Irmão Assis localizada no bairro Campo de Belém e contou com a presença de centenas de pessoas, entre familiares e amigos do ex-parlamentar. 





Blogueiro tem carro incendiado no Maranhão  


O locutor e blogueiro Aílton Pontes, (https://www.ailtonpontes.com/), que mora na cidade de Poção de Pedras (MA), usou o facebook e grupos de Whatsapp para denunciar o ataque de vandalismo que ele sofreu por volta das 4h da manhã deste domingo (29).
Um vândalo ateou fogo em seu veículo de trabalho, um Fiat Fiorino, que era usado em seu empreendimento de produtos de limpeza e higienização de automóveis e estofados.
O carro estava estacionado há sete dias em frente ao Lava a Seco na Rua Joaquim Salviano, centro de Poção de Pedras.
Saiba mais no Blog do Carlinhos.

domingo, 29 de setembro de 2019

Um comunista na terra do meio 

Flávio Dino foi entrevistado pela jornalista Miriam Leitão, na Globo News 

O Globo - O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), tenta encontrar um caminho do meio na política extremada do Brasil. Admite que a esquerda perdeu a bandeira do combate à corrupção, diz que várias sentenças da Lava-Jato são justas, mas condena os abusos. “Não podemos ter um vale tudo, ou um ‘os fins justificam os meios’ em nenhum tema nacional”. Na economia, diz querer ajuste fiscal e aumento dos investimentos sociais. Apesar de ter sido pessoalmente criticado pelo presidente Bolsonaro, afirma que o “diálogo federativo continua”.

Nas finanças do estado, o governador — que diz torcer pela aprovação do “Plano Mansueto” — elevou a situação fiscal do Maranhão para a classificação B em 2017. Depois, caiu para C. Perguntei a ele por que perdeu a nota se havia elevado a arrecadação em 7% em 2018:

O aumento da arrecadação foi fruto da eficiência, mas houve, por causa da crise, uma queda das transferências federais. Eu pago de encargos da dívida R$ 1 bilhão. Ao mesmo tempo, é preciso reverter indicadores sociais historicamente negativos. Todo bom investimento público vira no dia seguinte pressão sobre o custeio. Não tínhamos nenhuma escola integral, hoje temos 49. Abri oito grandes hospitais, fiz mil obras nas escolas, porque o déficit era enorme. Tinha escola de barro, de taipa, de palha.

Ele reclamou que o Tesouro mudou em 2018 as regras para a classificação de crédito. E sendo C não consegue ter o aval do Tesouro nas operações de crédito. Na entrevista que me concedeu na Globonews, disse que está fazendo corte de gastos e ajustes para voltar a ter boa classificação. O governador concedeu um grande aumento de salário aos professores, e hoje o Maranhão tem o maior piso nacional. Isso pode pesar depois na folha de inativos, dado que os professores se aposentam mais cedo:

Havia um grande contencioso com os professores, fizemos um programa que levou devagar a esse resultado.Tenho muito orgulho de ter o maior piso nacional para professores. Hoje o Fundeb arca com a folha, e o estado faz investimentos como a melhoria na estrutura física das escolas. Nosso Ideb era 2,8 e chegamos a 3,4. Somos agora o terceiro do Nordeste. Montei o fundo Escola Digna em que empresários, que querem se instalar no estado, depositam nesse fundo a sua contrapartida social, uma forma imaginativa de alavancar políticas educacionais.

O governador diz que a estabilidade fiscal não é um fim, é instrumento para se chegar aos objetivos de avanço social. Admite que o governo do PT, que foi apoiado pelo Partido Comunista do Brasil (PCdoB), deixou o país em crise fiscal e econômica e debita isso a um “tentativa de enfrentar de modo anticíclico a crise internacional”. Diz que houve concessões exageradas de desonerações. Mas afirma que quem veio depois não resolveu o problema, tanto que o país continua com déficit.

O Maranhão em si é uma terra do meio. É Amazônia e é Nordeste. Os remanescentes da floresta estão em terras indígenas que vêm sendo ameaçadas por madeireiros. Os indígenas têm se organizado no grupo chamado de guardiões da floresta, mas há risco iminente de conflito:

Estou sempre em contato com os guardiões da floresta mas o estado não pode agir em terra indígena a não ser sob a coordenação dos órgãos federais como a Funai e a Polícia Federal.

Na política, perguntei como a esquerda foi da bandeira da ética às condenações da Lava-Jato:

Perdemos a batalha do combate à corrupção apesar de termos toda a legitimidade, porque foi o governo de esquerda que fortaleceu os órgãos de controle e aprovou leis como a da delação premiada. A imensa maioria das sentenças da Lava-Jato teria a minha assinatura desde que lastreadas em provas inequívocas. Ao mesmo tempo, houve abuso e instrumentalização política. Ninguém tem o monopólio da virtude, nem dos vícios.

O governador diz que a democracia corre “gravíssimos” riscos pelo radicalismo dos apoiadores do atual governo que defendem “o extermínio do adversário” e “pedem até fechamento do Supremo”. Ele disse que o discurso do presidente Bolsonaro nos leva ao “isolamento, má vontade em relação aos brasileiros e sanções difusas ou institucionalizadas contra produtos brasileiros”. Sobre a relação com o governo Bolsonaro, ele diz: “confio no diálogo” e “mantenho minhas posições políticas”.

sábado, 28 de setembro de 2019

Movimentações no campo politico 



Por: Eduardo Rego 


A expectativa: meus caros leitores giram em torno das movimentações no campo politico na Princesa do Serão. O grupo Coutinho, hoje liderado pela deputada estadual Cleide Coutinho, reuniu seus apoiadores e apresentou seus nomes com objetivo de escolher um que vai para a batalha contra o atual mandatário Fábio Gentil. Os nomes apresentados foram os do ex-vice prefeito, meu irmão em Cristo Junior Martins, o da vereadora Thais Coutinho, dos empresários Magno Chaves e Constantino Castro e o do ex-vereador Luis Lacerda. Como todos sabem a ideia é fazer uma pesquisa e aquele que tiver a melhor posição será apresentado como principal candidato da oposição ao prefeito Fábio Gentil. Por onde ando, nas ruas e esquinas de Caxias o desejo de muitos era ver a líder Cleide Coutinho como a cabeça da chapa. Algumas pessoas são até radicais quando dizem que só a deputada Cleide Coutinho tem chances de impedir a reeleição de Fábio Gentil, mas sabemos e não podemos afirmar porque tudo pode mudar, precisamos ver e analisar as propostas de fato, não só no campo dessa politização  destes grupos. Vamos também dar atenção as pré candidaturas fora do eixo das famílias Coutinho, Marinho e Gentil. Caxias, é terra de intelectuais, poetas, pessoas formadoras de opinião, precisa ouvir outras proposta e ai sim chega na eleição escolher certo aquele ou aquela que verdadeiramente venha  mudar de fato o jeito de fazer politica aqui na nossa Caxias, pois essa terra clama por educação de qualidade, saúde que venha atender os anseios da população. O povo clama por emprego, essa terra tem história e não podemos ficar jamais alheios, somos formadores de opiniões. Vamos em 2020 dar um basta nisso tudo. Abraços. 
Sansão Pinheiro participa de reunião do grupo politico da deputada Dra Cleide Coutinho 


O diretor do hospital regional de Timbiras, enfermeiro Sansão Pinheiro, que é pré-candidato a uma vaga na Câmara Municipal de Caxias, participou na tarde de ontem no auditório da Casa de Saúde da reunião do grupo politico comandado pela deputada estadual Dra. Cleide Coutinho. 

Conforme Sansão Pinheiro manifestou na reunião, ele pretende ser parceiro na defesa de uma saúde de qualidade para a população caxiense. 

"A pedido do Dr. Humberto eu montei a UPA de Caxias juntamente com uma enfermeira de São Luis e no período que o Léo foi prefeito a UPA foi modelo na sua gestão, índice de mortalidade era bem baixo, índice de infecção hospitalar também era baixo. Quando a gente chegava nos postos de saúde tinha medicamentos, tinha médicos para atender os cidadãos. Estou me referindo a saúde porquê é minha área e a situação em se encontra hoje a saúde do nosso município precisa ser mudada", disse Sansão. 

Sansão Pinheiro assumiu, com cada um dos cinco pré-candidato a prefeito de Caxias do grupo da deputada Dra. Cleide, o compromisso de defender a bandeira da saúde na Câmara Municipal de Caxias, a partir de janeiro de 2021. 

sexta-feira, 27 de setembro de 2019

União com muita coragem 



O grupo politico da deputada estadual Dra. Cleide Coutinho, reuniu cerca de 300 lideranças e populares para lançar, em  processo inédito, o sistema de escolha do candidato a prefeito de Caxias em 2020. A reunião foi realizada na tarde desta sexta-feira (27) no auditório da Casa de Saúde. 


Com entusiasmo e muita união, todos se pronunciaram que o grupo da Dra Cleide é capaz de vencer as eleições municipais e que enfrentarão com muita coragem a máquina da prefeitura. 


O processo de escolha do candidato, será através de uma pesquisa no final de novembro, para aferir qual nome tem mais viabilidade para ganhar a eleição de prefeito. 

Os nomes que disputarão a prévia são: Constantino Castro, Junior Martins, Luís Lacerda, Magno Chaves e Thais Coutinho.

Todos defenderam a unidade do grupo e se comprometeram a dar apoio ao escolhido na pesquisa ou algum outro nome melhor avaliado pela deputada Cleide Coutinho.
Provas do concurso do Tribunal de Justiça do MA serão realizadas no próximo domingo (29) 


As provas do Concurso do Tribunal de Justiça do Maranhão serão realizadas no próximo domingo, dia 29 de setembro, nas cidades de São Luís, Caxias e Imperatriz. Pela manhã, serão realizadas as provas dos cargos de Técnico Judiciário; e pela tarde dos cargos de Analista Judiciário e Oficial de Justiça.
A cidade que o candidato fará a prova foi previamente indicada no ato de inscrição no concurso. Já o local de prova foi informado via Cartão Informativo – enviado por e-mail – e também pode ser consultado no site da Fundação Carlos Chagas, com o número do CPF. Caso necessário, o candidato pode entrar em contato com o Serviço de Atendimento ao Candidato – SAC da Fundação Carlos Chagas, pelo telefone 3003-1771, até as 16 horas em dias úteis.
O certame terá, para todos os cargos e especialidades, provas objetivas, discursivas e avaliação de títulos. O Edital de Convocação para a Realização de Provas, assinado pelo Presidente do TJMA, o desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos, estabelece as normas e os procedimentos a serem seguidos pelos candidatos no dia em que terão que comparecer aos centros de aplicação de provas.
INSCRIÇÕES – Foram 65.221 inscrições, sendo 13.560 candidatos declarados negros e 812 declarados deficientes. Estão sendo oferecidas 63 vagas e formação de cadastro de reserva em nível médio e superior. Os cargos ofertados são: Analista Judiciário (Analista de Sistemas – Desenvolvimento, Analista de Sistemas – Suporte e Rede, Engenheiro Mecânico, Direito, Assistente Social, Psicólogo e Psiquiatra), Oficial de Justiça, Técnico Judiciário (Apoio Técnico Administrativo, Técnico em Informática – Hardware, Técnico em Informática – Software, Técnico em Contabilidade e Técnico em Edificações).
Os vencimentos iniciais dos cargos são: R$ 8.230,35 para analista judiciário; R$ 6.883,85 para oficial de justiça, R$ 3.927,72 para técnico judiciário. Além desse valor, os servidores do Judiciário do Maranhão têm direito ao auxílio-alimentação, atualmente no valor R$ 885,00, sem prejuízo das vantagens asseguradas pelo Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos.
Os candidatos inscritos ficarão convocados a enviarem os títulos e os respectivos documentos comprobatórios, conforme especificações do Capítulo 12 do Edital de Abertura de Inscrições, no período de 09 a 11/10/2019, e somente serão avaliados os títulos dos candidatos habilitados na Prova Discursiva – Estudo de Caso e na Prova Discursiva – Redação, conforme Capítulos 10 e 11, do referido Edital.
Todas as informações oficiais sobre o concurso estão sendo publicadas no site da instituição realizadora do concurso, Fundação Carlos Chagas – www.concursosfcc.com.br.
Instituto Amostragem: Ferdinando Coutinho lidera pesquisa em Matões 


O instituto Amostragem concluiu pesquisa que mediu a intenção de votos para prefeito da cidade de Matões. A pesquisa foi contratada pelo blog do Elias Lacerda. No levantamento, o instituto ouviu 300 eleitores entre os dias 20 e 22 deste mês de setembro nas zonas urbana e rural do município.

O nível de confiança da pesquisa é de 95% e tem margem de erro de 5,54% para mais ou para menos.

No levantamento o atual prefeito de Matões, Ferdinando Coutinho aparece liderando a corrida pré-eleitoral contra o seu opositor, Gabriel Tenório. O gestor municipal lidera tanto na pesquisa espontânea quanto na estimulada.

Na pesquisa espontânea Ferdinando Coutinho aparece com 41% contra 22,67% de Gabriel Tenório. O número de eleitores indecisos que não souberam opinar ficou em 30,33%.

Veja o gráfico logo abaixo:


Na pesquisa estimulada Ferdinando Coutinho mantém a dianteira com 51% contra 40%. Neste quesito, que cita os nomes dos pré-candidatos, o número de indecisos reduz drasticamente e fica em 5,67%, como pode 
ser conferido no gráfico logo abaixo:


O Instituto Amostragem também conferiu o índice de rejeição dos dois principais postulantes a prefeitura de Matões em 2020. Neste quesito os dois pré-candidatos praticamente aparecem empatados, dentro da margem de erro. Ferdinando Coutinho tem rejeição de 20,33% dos matoenses, enquanto seus principais adversários, Gabriel Tenório, ficou com 24,67% de rejeição. Confira no gráfico abaixo:


Na aferição realizada pelo instituto foi levantado ainda os principais motivos apontados pelos eleitores para não votarem nos dois pré-candidatos. Abaixo confira o que pesa na rejeição de Gabriel Tenório, segundo avaliação dos eleitores:


O Instituto Amostragem também aferiu os motivos da rejeição do prefeito Ferdinando Coutinho na avaliação dos eleitorados. Confira abaixo:



A informação é do site do Elias Lacerda



A revelação bombástica de Rodrigo Janot


Em entrevista a Revista Veja, o ex-procurador Geral da República, Rodrigo Janot, fez uma revelação bombástica e surpreendente. Janot admitiu que planejou matar o ministro do STF, Gilmar Mendes.

De acordo com Janot, antes do início de uma sessão no STF, ele iria assassinar Gilmar Mendes e depois cometeria o suicídio.
“Não ia ser ameaça não. Ia ser assassinato mesmo. Ia matar ele (Gilmar) e depois me suicidar”, afirmou Rodrigo Janot.
Engana-se, quem imagina que tudo não tenha passado de um pensamento sem planejamento. Janot afirmou que após Gilmar Mendes ter difundido “uma história mentirosa” sobre sua filha, ele planejou a morte do ministro do STF.
Rodrigo Janot chegou a planejar o crime, disse que daria um tiro na cabeça do ministro e chegou a ficar cerca de 2 metros de distância de Mendes, na sala reservada onde os ministros se reúnem antes de iniciar os julgamentos no plenário, Janot sacou uma pistola do coldre que estava escondido sob a beca e a engatilhou, mas não disparou.
O fato inusitado e lamentável, revelado por Janot, nos leva a inúmeras reflexões, mas uma delas é: se nem o então procurador Geral da República acreditava que o caminho para a solução de conflitos seria a Justiça, tanto que queria resolver na “bala”, como cobrar isso do cidadão comum e muita das vezes sem a instrução que teve direito Rodrigo Janot ???
Dra. Cleide Coutinho se reúne hoje com seu grupo politico para definir estratégia para a sucessão municipal em 2020 


A deputada estadual Dra. Cleide Coutinho (PDT) começa a organizar seu time político para vencer as eleições 2020 nesta sexta-feira (27), em reunião com seus lideres e aliados. A parlamentar chegou cogitar a se aliar ao prefeito Fábio Gentil, cogitação essa que acabou sem prosperidade. A reunião terá como objetivo iniciar a base da estratégia politica para a sucessão caxiense. Dra. Cleide oficializará uma posição que encerra de vez especulações e apresentará a forma de como será feita a escolha do candidato a prefeito do seu grupo politico. 
Matões: pesquisa para prefeito deverá ser divulgada nesta sexta-feira (27) 

O prefeito Ferdinando Coutinho e o advogado Gabriel Tenorio são os nomes
da disputa para a prefeitura de Matões 
Considerada uma das cidades mais politizadas do interior maranhense, Matões terá a partir de hoje mais informações sobre o quadro político no município.
Contratado pelo eliaslacerda.com, o Instituto Amostragem está fechando os dados da pesquisa que avalia como se encontra a preferência do eleitorado matoense para prefeito da cidade.
O Instituto prometeu entregar todo o levantamento hoje, sexta-feira (27),  e tão chegue ao site os números serão divulgados.
Até o momento, Matões tem apresentado apenas dois nomes com intenções de serem candidatos a prefeito da cidade: O atual prefeito Ferdinando Coutinho, que tentará a reeleição, e o advogado Gabriel Tenório, que deve concorrer ao cargo de prefeito pela oposição.
do Elias Lacerda

quinta-feira, 26 de setembro de 2019

Candidaturas alternativas


Por: Jotônio Vianna
Enquanto prosseguem as discussões internas no grupo Coutinho, com direito ao anúncio de três pré-candidatos temporários, as pré-candidaturas do empresário César Sabá (sem partido) e a do professor Arnaldo Rodrigues (PSOL) estão mantidas… Os dois correm pela raia alternativa…
Candidaturas alternativas II
…O ainda juiz Antônio Manoel Velôzo (sem partido) também vem dando sinais cada vez mais eloquentes de que pretende entrar na disputa pela Prefeitura local… Em sua rede social, Velôzo tem se manifestado como quem quer entrar na roda da briga…
Processo interno
…O PSL local já divulgou que também irá lançar candidato ou candidata a prefeita, mas até agora a discussão interna não evoluiu…
Processo interno II
…Militantes de proa do PT de Caxias também afirmam que a sigla terá candidata ou candidato próprio, mas isso vai depender do processo de discussão interna na legenda, composta por diversas correntes que brigam entre si e que, até hoje, sequer conseguiram definir o nome do novo ou da nova presidente da agremiação.
VÍDEO: Homem é preso ao tentar assaltar vendedora ambulante no centro de Caxias

Um homem foi preso na manhã desta quinta-feira (26) no momento em que tentava assaltar uma vendedora ambulante nas proximidades da agencia central do Banco do Brasil, em Caxias. O suspeito foi rendido por um policial civil de folga que passava pelo local no momento em que a ação ocorreu.
Segundo uma testemunha, o policial percebeu a aproximação do homem, armado com uma faca, em direção a mulher e desferiu um disparo de arma de fogo para cima, para assusta-lo.
Assista o vídeo abaixo no momento que o homem foi preso e conduzido para o 1º DP. .  


Print-Fofoca: Paulo Marinho Junior rompe em maio...


Ontem a noite, um leitor assíduo do Blog, figura bastante conhecida no cenário politico caxiense, fez o seguinte comentário ao ler a matéria sobre de como será feita a escolha do candidato a prefeito de Caxias do grupo politico capitaneado pela deputada Dra. Cleide Coutinho: "No meu ponto de vista quem sairá forte nisso vai ser PM Jr, ele vai romper lá pra maio do ano que vem e se lança candidato. Com duas candidaturas vai ficar fácil pra ele." escreveu (ver print acima).

O leitor, por telefone, disse a este redator que o rompimento entre FG e PMJ vai acontecer não é nem tanto pela vontade do vice Paulo Marinho Junior, e sim por força da vontade de Paulo Marinho (pai) que ainda não digeriu a derrota do rebento para deputado federal no pleito eleitoral do ano passado por falta de apoio de todo grupo que ajudou eleger Fábio Gentil prefeito em 2016. 

Vale ressaltar que o apoio do grupo do prefeito Fábio Gentil ficou dividido somente para os candidatos a deputado federal. Uma parte apoiou Cléber Verde, a outra deu apoio a Edilazio Junior e rebarba ficou para PMJ. Já para deputado estadual os votos de todos integrantes do grupo, sem dividir um voto sequer com outro candidato, foram digitalizados nas urnas no pai do prefeito, o deputado Zé Gentil. 

Vamos aguardar então a chegada do mês de maio, o mês das noivas, das flores e das mães. Será que vai ser mesmo o mês do rompimento?!?.  


Dra. Cleide Coutinho convoca reunião para sexta-feira (27) e anunciará processo de escolha do candidato a prefeito


A deputada estadual Dra. Cleide Coutinho (PDT) convocou uma reunião para amanha, sexta-feira (27), às 17h, onde apresentará ao seus correligionários o processo de escolha do pré-candidato a prefeito de Caxias do seu grupo político.

Na ocasião, Cleide Coutinho dirá que no grupo três candidatos se apresentaram (a vereadora Thais Coutinho, ex-vice prefeito Júnior Martins e Magno Chaves) e que o nome será escolhido no final de novembro através de pesquisas eleitorais.

Cerca de cem lideranças da zona rural e da cidade participarão da reunião

A importância do crédito para fomentar a agricultura  


No momento em que o Brasil passa por uma crise financeira e ideológica sem precedentes, os menos desfavorecidos sofrem bastante. A agricultura familiar, que pelo próprio nome é apenas para dar subsídios de sobrevivência aos pequenos produtores rurais, está sofrendo bastante com o desaparelhamento dos órgãos que dão apoio a essa classe. 

O Incra (Instituto de Colonização e Reforma Agrária) no ano de 2019 não realizou nenhuma desapropriação no estado do Maranhão e, pior, não possui recurso para seus técnicos poderem visitar e acompanhar os assentamentos implantados. Assim, os assentados ficam a mercê da falta de assistência técnica e dos benefícios, como o PRONAF, que dependem da aprovação do Incra.

Já o município de Caxias, em parceria com a Secretaria de Estado da Agricultura Familiar e o Sindicato dos Trabalhadores Rurais, conseguiu um fato inédito: aprovação pelo Conselho Municipal e Conselho Estadual do Crédito Fundiário de cinco propostas para a aquisição de mais de 1.500 hectares de terra para os agricultores familiares. 

O feito local necessita ser louvado pelo quadro econômico e social que o país passa. Os agentes participantes estão de parabéns e esperamos que, o mais rápido possível, esses produtores possam disponibilizar a sua produção para ser comercializada em Caxias, reduzindo nossa dependência de frutas, verduras e hortaliças de outras cidades e estados.

Fonte: da coluna do vereador Mário Assunção no Portal Noca 
PMs que apoiaram menino humilhado por vender "cremosinho" são homenageados 


Os soldados da Polícia Militar Célio Henrique, Roberto Henrique e Wesleyson Alves foram homenageados ontem (25), pela Assembleia, com a entrega da medalha Manuel Beckman.

A condecoração, proposta pelo deputado Neto Evangelista (DEM), foi um reconhecimento ao apoio prestado pelos militares ao garoto Adão, vendedor de cremosinho vítima de bullying em Grajaú.
Adão tem apenas 14 anos e é vendedor de cremosinho na cidade. Ele foi humilhado por um grupo de jovens que ameaçava não pagar pelos produtos após consumi-los.
Os policiais souberam da história e encontraram o pequeno vendedor.
Como forma de exaltar o trabalho do jovem, eles compraram todos os cremosinhos que ele tinha para vender.
“Você é um herói. Vocês é um exemplo não só pros teus irmão, mas para todo mundo aqui”, disse um dos PMs